fbpx

Siga-nos: facebook-americancor instagram-americancor | Horário de Atendimento: 24h

Telefone : +55 (21) 3296-2900 | 3296-2902
  E-mail : contato@americancorhospital.com.br

Todos os posts com a tag: prevenção

Doenças de inverno: como evitar? Para evitar as doenças dessa estação, alguns cuidados devem ser tomados: • Beba bastante água A água é algo indispensável para o nosso corpo. No inverno, por ser um período mais frio, tende também a ser mais seco. Por conta disso, as vias aéreas podem ficar ressecadas, facilitando as doenças respiratórias. O ideal é beber pelo menos 2 litros de água por dia. • Exercite-se Não deixe de praticar exercício no inverno, essa atividade é muito importante para manter o corpo saudável e forte. Exercícios aeróbicos, por exemplo, são aliados para eliminar as toxinas que são responsáveis por enfraquecer o sistema respiratório. Então, mexa o corpo! • Alimente-se bem A alimentação é um dos principais fatores que garantem a imunidade alta. É comum, durante esta estação, consumir alimentos mais calóricos. De vez em quando, tudo bem. Porém, não deixe de lado as frutas, legumes e outros alimentos antioxidantes e ricos em vitaminas. Quer um exemplo? Frutas cítricas (laranja, limão, maracujá...) possuem alto teor de vitamina C, ótima para combater as doenças do inverno. Veja aqui mais dicas sobre a imunidade! • Outros cuidados Agasalhe-se bem, evite o acúmulo de poeira em casa, não deixe o ambiente completamente fechado, umidifique o ar e lave as mãos frequentemente. Fique atento aos sinais É importante destacar que, quando os sintomas forem mais fortes ou persistirem por muito tempo, procurar um profissional torna-se fundamental, afinal, só ele pode indicar o tratamento correto. Aliás, o Hospital AmericanCor possui profissionais altamente qualificados para ajudar da melhor forma os pacientes. E se você gosta dos nossos conteúdos, continue nos acompanhando!

Doenças de inverno: como evitar?

As mudanças de temperatura podem desencadear doenças que são típicas do inverno. Confira as nossas dicas para se proteger!


 

Cuidado redobrado no inverno

Mesmo que as temperaturas no inverno em nosso país não sejam tão baixas, as mudanças repentinas podem causar alguns problemas, principalmente em pessoas com baixa imunidade e em idosos. E você, o que faz para evitar isso?

Nesta época, doenças como gripe, rinite, bronquite, sinusite, alergias, faringite e laringite, são muito comuns. As infecções respiratórias são, normalmente, causadas pelos vírus. Já as reações alérgicas, pelos ácaros.

No geral, é a instabilidade climática que contribui para que a imunidade diminua. Ou seja, devemos manter os cuidados redobrados, ainda mais em época de pandemia.

Como prevenir?

Para evitar as doenças dessa estação, alguns cuidados devem ser tomados:

  • Beba bastante água

A água é algo indispensável para o nosso corpo. No inverno, por ser um período mais frio, tende também a ser mais seco. Por conta disso, as vias aéreas podem ficar ressecadas, facilitando as doenças respiratórias.  O ideal é beber pelo menos 2 litros de água por dia.

  • Exercite-se

Não deixe de praticar exercício no inverno, essa atividade é muito importante para manter o corpo saudável e forte. Exercícios aeróbicos, por exemplo, são aliados para eliminar as toxinas que são responsáveis por enfraquecer o sistema respiratório. Então, mexa o corpo!

  • Alimente-se bem

A alimentação é um dos principais fatores que garantem a imunidade alta. É comum, durante esta estação, consumir alimentos mais calóricos. De vez em quando, tudo bem. Porém, não deixe de lado as frutas, legumes e outros alimentos antioxidantes e ricos em vitaminas. Quer um exemplo? Frutas cítricas (laranja, limão, maracujá…) possuem alto teor de vitamina C, ótima para combater as doenças do inverno. Veja aqui mais dicas sobre a imunidade!

  • Outros cuidados

Agasalhe-se bem, evite o acúmulo de poeira em casa, não deixe o ambiente completamente fechado, umidifique o ar e lave as mãos frequentemente.

 

Fique atento aos sinais

É importante destacar que, quando os sintomas forem mais fortes ou persistirem por muito tempo, procurar um profissional torna-se fundamental, afinal, só ele pode indicar o tratamento correto. Aliás, o Hospital AmericanCor possui profissionais altamente qualificados para ajudar da melhor forma os pacientes.

 

E se você gosta dos nossos conteúdos, continue nos acompanhando!

Leia Mais

Problema no fígado? Saiba identificar!

Alguns sintomas podem te alertar que é hora de procurar um médico


 

O nosso fígado

Você sabia que o fígado é a maior glândula do corpo e o segundo maior órgão? São muitas as suas funções, como desintoxicar o organismo, sintetizar o colesterol, armazenar glicose, produzir proteínas nobres e muito mais!

O fígado é parte fundamental do nosso corpo, por isso devemos sempre ficar de olho se alguns sintomas aparecerem!

 

Esteatose Hepática

A Esteatose Hepática é conhecida também como gordura no fígado, uma das causas mais comuns quando se trata de problemas nesse órgão. Normalmente, isso ocorre em pessoas que estão acima do peso, não praticam atividade física ou fazem o uso frequente de bebidas alcoólicas.

Existem duas classificações de Esteatose Hepática:

  • Alcoólicas

Provocadas pelo consumo excessivo de álcool.

  • Não alcoólicas

Provocadas por hábitos e estilos de vida inadequados. Suas causas são:

-Sobrepeso.

-Obesidade.

-Diabetes (veja mais sobre a doença aqui).

-Colesterol alto.

-Sedentarismo.

-Má alimentação.

-Uso de medicamentos (corticoides, estrógeno, entre outros).

-Inflamações crônicas no fígado.

Problema no fígado? Saiba identificar!

saude.gov.br

Quais são os sintomas?

Alguns dos sintomas que podem ser percebidos são:

-Dor abdominal do lado direito.

-Barriga inchada.

-Pele e os olhos amarelados.

-Urina escura e com cheiro forte.

-Perda de apetite.

 

Diagnóstico e tratamento

Caso você tenha alguns dos sintomas, é fundamental procurar um médico – que pode ser Clínico geral, Gastroenterologista ou Hepatologista. Só assim é possível fazer os exames necessários e identificar quais são os problemas. Geralmente são feitos exames de rotina, laboratoriais e/ou de imagem.

O tratamento varia de acordo com o quadro de cada paciente. Mudar o estilo de vida, ter uma alimentação mais saudável, praticar exercícios físicos e o uso de medicamentos específicos são alternativas para tratar a doença. Quando ela é mais grave, como a cirrose, um transplante de fígado pode ser necessário. Por isso, é muito importante sempre prestar atenção no seu corpo e ter um diagnóstico precoce.

 

Cuide de você!

Com saúde não se brinca, não é mesmo? Leve um estilo de vida mais saudável e atente-se para qualquer sinal diferente que o seu corpo apresentar. E claro, tenha um médico de confiança para te orientar nas melhores formas de prevenção e tratamento. Aqui, na AmericanCor, nossa equipe de profissionais está sempre pronta para oferecer o melhor atendimento e cuidado.

 

Conte com a gente!

Leia Mais

Coronavírus: tire suas dúvidas e proteja-se!

A prevenção e o cuidado são fundamentais para se proteger e garantir a segurança de todos


 

O que é o coronavirus?

Ultimamente, muito se tem falado sobre esse assunto, não é mesmo? O Coronavírus é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. Seu novo agente foi descoberto na China, em dezembro de 2019, provocando a doença conhecida como Covid-19.

No começo, os primeiros casos no Brasil eram de pessoas que estiveram em países onde o vírus existia. Agora, estamos na transmissão comunitária, ou seja, já não é mais possível descobrir a origem e a disseminação está cada vez mais rápida.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) decretou pandemia do novo coronavírus. Para ver os casos e mortes confirmadas, acesse: https://covid.saude.gov.br/

 

Quais são os sintomas?

Os sintomas desse vírus são bem parecidos com o da gripe. Podendo ser mais leves ou graves.

-Dor de garganta

-Tosse

-Febre

-Dificuldade para respirar

 

Idosos e pessoas com doenças crônicas (asma, diabetes, hipertensão) são classificados como grupo de risco.  No entanto, como ainda estão sendo feitos muitos estudos sobre a doença, todos precisam se proteger para evitar que a situação se agrave.

 

Qual a melhor forma de se prevenir?

O mundo todo está se mobilizando e se conscientizando! Diversos cuidados são necessários, confira algumas medidas orientadas pelo Ministério da Saúde:

-Lave bem as mãos frequentemente com água e sabão ou higienize com álcool em gel 70%.

-Ao tossir ou espirrar, cubra a boca. Pode ser com um lenço descartável ou o braço. Mas, limpe as mãos em seguida.

-Mantenha os ambientes bem ventilados.

-Evite aglomerações. Fique em casa!

-Não compartilhe objetos pessoais.

Esses são apenas alguns cuidados. Se precisar sair de casa para ir ao mercado ou farmácia, não se esqueça de levar álcool em gel. Evite colocar as mãos no rosto e higienize todas as superfícies de contato.

Dúvidas comuns

  • Quando usar máscara?

De acordo com as últimas recomendações do Ministério da Saúde, a máscara deve ser usada por todos, seja ao sair de casa ou no trabalho. No entanto, as máscaras cirúrgicas e N95 devem ser destinadas apenas ao uso para o pessoal da saúde. Lembrando que, para ser eficaz, é preciso descartá-las em local adequado e limpar corretamente as mãos.

  • O que fazer quando estiver com sintomas de gripe?

É necessário ficar em casa por 14 dias e seguir as orientações do Ministério da Saúde para o isolamento domiciliar. Para evitar aglomerações e até contaminação, só procure um hospital se estiver com falta de ar.

  • Notícias falsas

Muitas informações são compartilhadas a todo momento. É preciso verificar o que é verdadeiro ou não. O Ministério da Saúde é uma fonte confiável e disponibiliza um conteúdo desmentindo diversas fake news. Veja aqui!

 

Proteja-se!

Todo cuidado é pouco e a conscientização é primordial. Não está sendo fácil, mas vamos superar isso juntos! Qualquer dúvida, entre em contato com a plataforma oficial de informações do Ministério da Saúde no WhatsApp (61) 9938-0031.

Leia Mais
câncer de próstata

Novembro Azul: os homens também precisam se cuidar!

O câncer de próstata é uma doença que atinge muitos homens e a prevenção é fundamental!


O câncer de próstata

A próstata é uma glândula que só o homem possui e que se localiza na parte baixa do abdômen.  O câncer de próstata é o mais comum entre os homens, depois do câncer de pele. E, mesmo sendo uma doença comum, muitos não têm o devido cuidado e não procuram a prevenção.

De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (INCA), este tipo de câncer é considerado da terceira idade, uma vez que 75% dos casos no mundo ocorrem a partir dos 65 anos. Em muitos casos, a doença cresce de forma lenta e pode até não apresentar sinais. Porém, em outros, pode crescer rapidamente e se espalhar para outros órgãos.

previsc.com.br

Sinais e sintomas

Normalmente, na fase inicial, o câncer de próstata evolui de forma silenciosa. Os pacientes podem não apresentar nenhum sintoma ou eles são semelhantes aos do crescimento benigno da próstata. Alguns dos sintomas comuns:

-Dificuldade de urinar;

-Necessidade de urinar mais vezes durante o dia ou a noite;

-Sangue na urina;

-Diminuição do jato de urina.

Já na fase avançada, o câncer de próstata pode provocar dor óssea ou, quando mais grave, infecção generalizada e até insuficiência renal.

Prevenção

Um dos maiores problemas dessa doença é que muitos homens não estão habituados a procurar um médico e fazer o acompanhamento anual. Mas, independentemente da idade, é fundamental procurar um profissional para analisar os riscos da doença e para se prevenir. Quando o homem tem histórico de câncer na família, o ideal é procurar um urologista a partir dos 45. Quando não se tem, a partir dos 50 anos. Exame de toque retal e o exame de sangue para avaliar a dosagem do PSA, são algumas das melhores formas para a detecção precoce e melhores resultados de tratamento.

Pixabay

Tratamento

O tratamento vai depender de cada caso e estágio da doença. Cirurgia, radioterapia, terapia hormonal, são alguns dos exemplos de tratamentos para o câncer de próstata.

Lembrando que a escolha do tratamento será feita de forma individualizada e definida pelo médico de acordo com o paciente.

Cuide-se!

Não tenha vergonha de se cuidar! Um acompanhamento médico é muito importante não só para evitar doenças como o câncer, mas também, para viver uma vida mais saudável e longe de problemas!

Continue acompanhando nossos artigos e fique por dentro sobre variados assuntos da área da saúde!

Gostou do nosso artigo? Então continue nos acompanhando!

Leia Mais