fbpx

Siga-nos: facebook-americancor instagram-americancor | Horário de Atendimento: 24h

Telefone : +55 (21) 3296-2900 | 3296-2902
  E-mail : contato@americancorhospital.com.br

Todos os posts com a tag: diabetes

Pessoa branca mediando a glicemia, prevenindo-se da pré-diabetes

Pré-diabetes: saiba mais sobre esse estágio tão comum entre os brasileiros

Com sintomas silenciosos, mais de 15 milhões de brasileiros são pré-diabéticos. Confira mais informações a seguir!


Você já ouviu falar do pré-diabetes? Ele é um estágio que precede o diabetes tipo 2, muito comum entre os brasileiros. Atualmente, há mais de 15 milhões de pessoas pré-diabéticas no país, segundo a Federação Internacional do Diabetes (IDF). Pensando nisso, separamos esse material para você entender mais sobre o pré-diabetes, buscando a prevenção desta doença. Acompanhe!

Pré-diabetes: o que é

Primeiramente, é importante sabermos o que é o diabetes, considerado uma doença crônica provocada pelo aumento da glicose (níveis de açúcar no sangue) no organismo, o qual possui uma dificuldade em processar essa substância. Sendo assim, há uma quantidade de glicose acumulada no sangue, sendo denominada glicemia, caracterizando o diabetes.

Diante disso, o pré-diabetes é quando o metabolismo dos hidratos de carbono é alterado, aumentando os níveis de glicose no sangue acima do normal, glicemia em jejum entre 100 e 125 mg/dl, mas não ao ponto de ter diabetes. Dessa forma, é considerada um estágio intermediário entre um organismo com padrões normais de glicose e um com diabetes tipo 2.

Em outras palavras, o pré-diabetes é o alerta do seu corpo te dizendo que suas chances de desenvolver diabetes são muito altas!

Principais causas

Os fatores mais comuns que contribuem para o estágio de pré-diabetes são:

-Herança genética e tendência familiar;

-Aumento de peso;

-Alimentação hipercalórica;

-Sedentarismo.

Dentre esses, o mais comum é o ganho de peso, pois ele contribui para que o pâncreas produza mais insulina com o objetivo de tentar reduzir e controlar os níveis de açúcar.

Doença silenciosa

Em primeiro lugar, o pré-diabetes é um estágio silencioso, pois não possui sintomas. No entanto, em alguns casos, as pessoas podem desenvolver a acantose, isto é, o escurecimento das dobras da pele nas regiões do pescoço, axilas e virilhas.

Por isso, essa doença só é possível identificar se você medir a quantidade de glicemia do seu organismo, considerando que o resultado precisa estar entre 100 e 125 mg/dl.

Mãos brancas medindo a quantidade de glicemia, prevenindo a pré-diabetes

Cuidar da saúde é a única prevenção!

Portanto, recomenda-se que a partir dos 45 anos de idade as pessoas realizem os testes de glicemia regularmente. Assim, será possível identificar se você é uma pessoa pré-diabética ou não. Atualmente, segundo um levantamento do Ibope, 42% dos brasileiros desconhece o pré-diabetes.

Logo, surge a importância da conscientização sobre este tema tão urgente e presente na vida dos brasileiros. O AmericanCor se preocupa com a saúde e o bem-estar das pessoas, por isso cultive hábitos saudáveis e realize exames de forma regular. Nosso hospital conta com diversos convênios, marque uma consulta! Previna-se!

 

Gostou do nosso conteúdo? Então continue nos acompanhando.

Leia Mais

Diabetes, você precisa saber disso!

A doença é mais comum do que você imagina e afeta milhões de pessoas


O diabetes

Você sabia que no Brasil há mais de 13 milhões de pessoas que vivem com diabetes? Pois é, esses dados foram divulgados pela Sociedade Brasileira de Diabetes. Apesar de ser uma doença bastante conhecida, muitos não sabem que têm.

Quando o corpo não produz insulina suficiente ou não consegue absorver adequadamente, o açúcar fica em excesso na corrente sanguínea, causando o diabetes. Como a doença não tem cura, é preciso saber conviver e se adaptar a um estilo de vida mais saudável.

Pixabay

Quais são os tipos?

A doença se apresenta de duas formas, no tipo 1 e tipo 2.

-Tipo 1: este tipo de diabetes é autoimune, ou seja, ocorre a destruição das células que produzem insulina. Pode ocorrer em qualquer idade e os sintomas mais comuns são: emagrecimento, sede, cansaço, vontade de urinar mais vezes ao dia e fraqueza.

-Tipo 2: neste caso, há produção de insulina pelo pâncreas, mas existe uma resistência. Os sintomas aparecem mais lentamente, assim como o diagnóstico. Normalmente os sintomas comuns são: dor nas pernas, fraqueza, aumento de apetite e vontade de urinar mais vezes ao dia.

Tratamento

Para ambos é necessário ter um acompanhamento médico para que ele analise qual o melhor tipo de tratamento. Um dos pontos mais importantes é controlar o nível de glicose no sangue, e isso pode ser feito com aparelhos como o glicosímetro e lancetador.

Normalmente o paciente deve aplicar diariamente injeções de insulina. Só assim é possível manter a glicose no sangue nos valores normais.

Medicamentos também podem ser sugeridos pelo médico. Além da mudança significativa da alimentação e estilo de vida.

 Fatores de risco

Qualquer pessoa pode ter diabetes e determinados fatores contribuem para o desenvolvimento da doença, veja alguns:

-Genética;

-Ter diagnóstico de pré-diabetes;

-Pressão alta;

-Má alimentação;

-Sobrepeso;

-Colesterol alto.

Convivendo com a doença

É possível levar uma vida normal tendo diabetes, mas para isso é preciso estar disposto a levar uma vida saudável e com orientação médica. Não basta apenas tomar insulina, é preciso praticar exercícios físicos, comer frutas e vegetais, evitar doces, entre muitas outras atitudes.

Se você precisar de um acompanhamento médico de confiança, conte com a AmericanCor! Nossa equipe é formada por profissionais especializados, prontos para te ajudar em doenças como o diabetes.

Gostou do nosso artigo? Então continue nos acompanhando!

Leia Mais